Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Jaguaribe Carne’ Category

Jaguaribe Carne

IMG_20160521_100946

Algumas palavras, sentimentos e sensações me vieram ao juízo vendo o Jaguaribe Carne ontem. A primeira sensação foi de Privilégio. No palco um se desafiar, desconfigurar. Atemporalidade. Linhagem. Inquietação. Desapego. Resistência. Encontro. Generosidade. Ser fora da curva, não ter forma. Esse flerte com a incerteza certamente nos acessa aqueles perenes lugares criativos: as odisséias interiores. Porque sem segurança, sem cálculo, cru. Fuerza Bruta. Razão universalizante alguma. Avesso do presumido. O flertar os velhos abismos.

Quis filmar, guardar. Ensaiei. E achei incoerente manter preso a uma “forma” que eu pudesse vê-la repetida. Negaria sua própria natureza. Desisti. Já estava gravada em mim. Passar adiante, partilhar, apenas longe do cartesiano medido. Que coubesse às velhas tradições orais perpetuarem nas boas rodas de conversa de botequim. E foi esse meu quinhão àquele indizível.

Veja, aquilo era desalinho. E tenho fascínio pela palavra-forma Desalinho. Vivo fazendo exercícios para não enxergá-la. E ela me chegou inteiramente amparada, anunciada, significada, justificada naquela sonoridade, nos gestos, sentidos muitos. Mas poucas vezes vi reflexos d’alma extraindo o extremo desses sentidos. Cegando, quase. Por um triz, tudo.

Laurita.

Anúncios

Read Full Post »

%d blogueiros gostam disto: